CUIDAR DA MENTE, DA ALMA E DO ESPÍRITO

CUIDAR DA MENTE, DA ALMA E DO ESPÍRITO

Há um dito popular que afirma que “mente vazia é oficina do diabo”.

Alguns autores da psicologia confirmam que quando o corpo vive na ociosidade, a mente desvia suas energias descontroladamente.
Uns começam a pensar só na comida, outros em dormir e outros se especializam em fofocas, de acordo com a inclinação de cada um.

A pessoa humana não é um robot (robô) ou máquina automática. Ela é formada por corpo (a mente), alma e espírito.

O funcionamento integral e sincronizado dos três: a mente, a alma e o espírito definem a sanidade da pessoa.

Não adianta pensar que acordamos bem, declarar que estamos bem de saúde pelo facto de acordar, por exemplo, sem sintomas de COVID-19.

A complexidade da pessoa humana passa necessariamente pela saúde do corpo, da alma e do espírito.

E aí, tu és saudável ou não?

Para evitar que sejas oficina do diabo, deixar o corpo o dia inteiro na ociosidade, passar o dia mergulhado no vazio, partilho algumas dicas que irão te ajudar a viver bem.

1. Saúde física: organismo livre de doenças

Com a progressão da COVID-19, muita gente descobriu que nunca se cuidava: higiene, alimentação e repouso.

A rotina diária de jornada pesada de trabalho, o estresse e o não o relaxamento adequado contribuem na fraca imunidade.

Então, se quiseres uma vida saudável e longa, por favor, se cuide e cuide dos outros em sua volta.
Propicie tempo de repouso, cuide da água e alimentação, abandone conservantes, refrigerantes, frituras e comida de muito açúcar e sal.

Trabalhe para garantir teu futuro sem desgastar agora a tua saúde. Saiba que tu és único, tens única vida e és importante para tua família e a sociedade.

Por outro lado, não fique se privando de tudo ao ponto de ser anoréxico.
Faça e coma o essencial com moderação.
Atenção, nunca esqueça a prática do desporto: caminhada, exercícios físicos, dança e natação.

2. Saúde da alma: os aspectos afectivos morais e intelectuais

Eu coloco o aspecto intelectual neste capítulo somente para facilitar a explanação e por ser algo abstracto. O intelecto está ligado a mente. Porém, a alma também se responsabiliza nas ferramentas abstractas.

A vida desregrada de uma pessoa reflecte nos seus relacionamentos, nas suas palavras, nos seus pensamentos e até nas acções.

Cuidar da alma é criar espaço para obter paz interior por meio de leituras, escuta de músicas calmas, companhia com gente amada como amigos e familiares, meditação e contemplação, passeio em ambientes naturais como florestas e praias, ver filmes de ficção ou reais e conversas agradáveis com pessoas amigas.

A atitude e comportamento da pessoa são reflexos do que a alma vai construindo.
Algumas pessoas desenvolvem empatia, solidariedade, amizade, bom senso, a atenção, a compreensão e vivência de bons valores.

Entretanto, dependendo da construção interior, muita gente vive de brigas, fofocas, mentiras, guerras contra os outros, inveja, ciúmes, ódio, violência, embriaguez, consumo de drogas etc.

Para a cura de pessoas que manifestam atitudes e comportamentos não éticos e sociais, deve se aconselhar a cuidar da alma vivenciando os ponto acima mencionados como remédio.

A alma tem sim remédio. A alma precisa de cura quando está ferida. Cuide da tua alma. Cuide da alma dos outros.

3. Saúde espiritual: vida de oração e doação

Tem gente que se engana dizendo que rezar é uma perda de tempo. Eu digo, tu perdes tempo ao não colocar como prioridade na tua vida, um tempo de oração.

Já recebi algumas pessoas num estado de desespero depois de muitos anos sem pensar em Deus nem da oração.

A oração é forma simples de conversar com Deus, de penetrar no interior da pessoa, de auto conhecimento, de acolher o “Eu” não explorado.

Se não acreditas em Deus, sugiro que faça oração contemplando o cosmos, agradecendo teus pais pelo dom da vida, pois no final chegarás a Deus que se encontra em todo lugar e em cada pessoa.

Providencie tempo pessoal de oração, tempo comunitário de celebrações da fé e da vida.

Todo encontro com o outro, sem preconceito, a pessoa sai ganhando, sai enriquecida porque as almas se encontram.

Não perca tempo com coisas supérfluas e passageiras.
Cultive o hábito de viver a religiosidade e os ritos.
Se enriqueça naquilo que será útil ao chegar na velhice.
Organize teu tempo para viver bem.
Tenha paz interior que surge da oração e contemplação.

Por hoje é tudo. Eu estou na luta em busca de coisas boas para minha vida pois de coisas horríveis basta a COVID-19.

Servo inútil, Pe. Fonseca Kwiriwi, CP.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *